Home / Destaques / Primeiras aulas de EAD para membros e servidores da DPE/MT começam a ser gravadas

Primeiras aulas de EAD para membros e servidores da DPE/MT começam a ser gravadas

A

A

As primeiras aulas da Escola Virtual da Defensoria Pública de Mato Grosso (DPE/MT) começaram a ser gravadas nesta segunda-feira (16/4) no estúdio de tv da Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia (Secitec). A intenção é que as primeiras 20 aulas estejam à disposição dos membros e servidores da Instituição até o dia 19 de maio, Dia do Defensor Público.

O tema inaugural é a própria DPE e seus membros. O foco inicial será a natureza jurídica da Instituição, os princípios que norteiam a atividade do profissional, os deveres, as responsabilidades, as proibições e a conduta do defensor diante do cidadão que procura por seus serviços. O coordenador do projeto, defensor público Rogério Borges de Freitas, explica que as aulas terão, no máximo, 30 minutos cada uma e que os temas acima deverão ser comportados em quatro delas.

Ele lembra que no início, tudo será um teste e que ao longo das gravações verá a possibilidade de incluir a participação do estudante para que haja interação. “Escolhemos fazer a primeira aula com foco na atuação da Instituição, primeiro porque esse é um assunto que todos devemos saber na ponta da língua, depois, para termos uma base comum de conhecimento entre os que estão chegando e aqueles que estão no órgão há mais tempo. A grande vontade desse projeto é aprimorar, capacitar e fazer circular o conhecimento adquirido entre os nossos recursos humanos”, disse.

O segundo subdefensor-público, Caio Zumioti, participou da primeira gravação e lembrou que ter uma escola de governo para capacitar, aproximar e agregar a categoria é um sonho antigo dos defensores. “Ver esse projeto tomar corpo é motivo de alegria para a Administração Superior, pois há muito tempo, muitos de nós sonhemos com isso. Graças à parceria da Secitec, à provocação do defensor Freitas, estamos tirando esse sonho da imaginação e transformando em realidade”, disse.

Além das aulas, um bloco de debates também entrará na programação com o nome “Diálogos sobre a Defensoria Pública”. No primeiro, participarão o coordenador do Núcleo de Execução Penal (NEEP), defensor público André Rossignolo, o seu colega do NEEP, José Edir e o defensor público da 9ª Defensoria do Núcleo Criminal da Capital, José Carlos Evangelista. Eles debaterão o tema “Execução Penal e o Recambiamento Automático de Presos”.

“A ideia é de construirmos juntos a grade de conteúdo de nossas aulas, conferências, cursos e por esse motivo, peço aos defensores públicos interessados em gravar ou propor temas, que me mandem e-mails (rogeriofreitas@dp.mt.gov.br“> rogeriofreitas@dp.mt.gov.br) com sugestões e mesmo informações sobre a disponibilidade de gravarmos”, afirma Freitas.

As transmissões podem ser feitas ao vivo ou disponibilizadas após gravação, por meio do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), com a estrutura do Núcleo de Educação à Distância (NEEAD) da Secitec.

A cooperação que possibilitou a execução do projeto foi firmada em março, após negociação solicitada pelos primeiros e segundo subdefensores, Márcio Dorilêo e Zumioti, ao secretário da Secitec, Domingos Sávio Pereira. A medida possibilitará a DPE transmitir conteúdo educacional à distância pelo NEEAD, que garante até 55 mil acessos simultâneos, com uso de tecnologia da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa.

“O mais interessante disso é que estamos realizando um sonho com o custo mínimo de direcionar os nossos recursos humanos para o projeto. O investimento monetário é zero, graças à cooperação do Estado”, afirma Dorilêo.

 

Defensoria Pública do Estado de Mato Grosso

Twitter: @estrelaguianews

 

 

About rosano

Check Also

Plenário aprova política para universalização do acesso à internet

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (13) projeto do Poder Executivo que ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *