Home / Internacional / Japão se prepara para passagem do tufão Trami

Japão se prepara para passagem do tufão Trami

O tufão Trami se dirigia nesta sexta-feira (28.09) para o sul do Japão, com previsão de atingir as principais ilhas do arquipélago neste final de semana, já afetadas pelas intensas chuvas de verão. As autoridades alertam para a elevação das marés, queda de árvores e casas, inundações e deslizamentos de terra no arquipélago.

Trami, que se desloca lentamente no momento, deve acelerar nas próximas horas trazendo ventos com rajadas de 162 km/h em seu centro e de 220 km/h na periferia. O 24º tufão a atingir a Ásia em 2018 se encontrava na manhã desta sexta-feira a sudeste de Okinawa, que atingirá provavelmente no sábado.

Em seguida, Trami deve seguir para Kyushu e a ilha principal, Honshu, atravessando o Japão de sudoeste a nordeste. “O tufão deve cruzar o país a toda velocidade. Pedimos à população que fique alerta”, declarou a funcionária da agência de meteorologia Sakiko Nishioka.

As empresas aéreas já começaram a anular voos diante da aproximação de Trami. O tufão precedente – Jebi – matou mais de dez pessoas no início de setembro no oeste do arquipélago, onde provocou vários danos materiais.

Furacão Rosa passa para categoria 4 no México

Rosa se tornou na noite desta quinta-feira furacão da categoria 4 na escala Saffir-Simpson (1 a 5), enquanto se desloca pelo Pacífico ao largo da costa do México, segundo o último boletim do Centro Nacional de Furacões (NHC) dos Estados Unidos. “Rosa se tornou o sétimo furacão de categoria 4 da temporada, com ventos firmes de 230 km/h”, assinala o boletim das 03h00 GMT (24h00 Brasília) do NHC.

O furacão se desloca para leste a uma velocidade de 15 km/h e se encontra a 975 km da parte sul da península da Baixa Califórnia, no noroeste do México. Rosa avança longe da costa mexicana, mas se espera que no fim de semana vire para o nordeste para se aproximar da península de Baixa Califórnia, possivelmente já rebaixado à tempestade tropical.

A costa noroeste do México foi atingida recentemente por fortes chuvas que deixaram pelo menos 11 mortos. Segundo as previsões, à medida que Rosa se aproximar do continente, o noroeste do México e o litoral da Califórnia serão afetados pelo fenômeno, que causará chuvas e ondas altas.

Pelo menos oito pessoas morreram e outras seis estão desaparecidas depois que uma forte chuva atingiu um povoado de Michoacán, um estado vizinho de Colima, provocando o transbordamento de um rio e de uma represa.

Na semana passada, estas fortes chuvas afetaram também Sinaloa, no noroeste do país, com ao menos três mortos e três desaparecidos. O Serviço Meteorológico mexicano alertou que as intensas chuvas em grande parte da costa do Pacífico saturaram o terreno e poderia “haver deslizamentos, transbordamento de rios e córregos ou danos em caminhos e trechos de estrada, assim como inundações em zonas baixas e locais urbanos”.

 

AFP

Twitter: @estrelaguianews

About rosano

Check Also

Tribunal da ONU ordena que EUA retirem sanções contra o Irã

O mais importante tribunal das Nações Unidas ordenou, nesta quarta-feira (03/10), que os Estados Unidos ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *