Home / Internacional / Bolívia aprova projeto para novas eleições; Evo Morales é vetado

Bolívia aprova projeto para novas eleições; Evo Morales é vetado

Publicado por: Rosano Almeida

O Senado da Bolívia aprovou neste sábado (23.nov.2019) 1 projeto de lei para a realização de novas eleições presidenciais no país. O texto veta a participação de ex-presidentes que já tenham ocupado o cargo por 2 mandatos, o que exclui a possibilidade da presença de Evo Morales no pleito. Também limita a reeleição de presidentes para, no máximo, 2 mandatos consecutivos.

O pacto entre o governo e a oposição também fala sobre a seleção de novos integrantes do STE (Supremo Tribunal Eleitoral), com duração de 6 anos no cargo. Além disso, os partidos devem poder apresentar novas alianças e candidatos, de acordo com o jornal boliviano El Debber.

Ainda será discutido se é necessário ou não estender o mandato da autoproclamada presidente, Jeanine Áñez. Essa determinação deve definir o calendário eleitoral para a organização do pleito.

Segundo o presidente da comissão no Senado, “isso será uma consequência do planejamento do STE. O que é dado são 48 horas para apresentar a chamada e o calendário ao país ”.

Ainda não há uma data fechada para a publicação da programação eleitoral em detalhes.

Entenda o caso

A realização de novas eleições acontece em meio a uma forte crise política e social no país, que atravessa uma onda de protestos violentos desde que foi anunciada a eleição de Evo Morales para seu 4º mandato.

Atualmente, a Bolívia é comandada pela autoproclamada presidente interina, Jeanine Añez, que assumiu o cargo após Morales renunciar e receber asilo político do México.

Poder 360

About rosano

Check Also

Ladrões levam joias inestimáveis em roubo a museu alemão

Publicado por: Rosano Almeida Ladrões quebraram mostruários de vidro e levaram joias inestimáveis de um ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *