Home / Destaques / Assistência Social atualiza levantamento de moradores em situação de rua

Assistência Social atualiza levantamento de moradores em situação de rua

Nagila Marques
A ação está sendo realizada nesta semana e faz parte do projeto “Quero Te Conhecer”, em funcionamento desde 2017

Publicado por: Rosano Almeida

Nesta semana, a equipe da Secretaria Municipal de Assistência Social e Desenvolvimento Humano (Smasdh) está percorrendo os principais pontos da Capital, com o objetivo de fazer um levantamento atual do quantitativo da população que hoje se encontra em situação de rua.

No primeiro dia da ação, realizada nesta segunda-feira (03), a equipe percorreu os pontos de maior concentração na região do CPA até chegar a Rodoviária, como praças, viadutos e logradouros públicos, realizando 45 abordagens.

A partir dessas identificações, é possível construir uma estrutura sólida de respostas e soluções que amenizem essa situação. “Com isso, é possível identificar as principais necessidades e estabelecer estratégias capazes de contribuir para diminuir o quadro atual em Cuiabá”, disse a secretária adjunta de Assistência Social, Hellen Ferreira.

Além do CPA, as visitas se estendem nesta terça-feira (04), a partir das 14 horas, na região Central, passando pelas praças da República, Alencastro, Rachid Jaudy, Ipiranga e 08 de abril. Na quarta-feira (05), serão visitados o Beco do Candeeiro, Morro da Luz e a Praça da Mandioca. No dia 06 (quinta-feira), será a vez da região do Porto e entorno como também as imediações da Arena Pantanal. E para encerrar a semana das ações do projeto “Quero Te Conhecer”, a equipe percorrerá a Avenida Fernando Côrrea, bairro Jardim Leblon e Ginásio Quilombo.

A ação faz parte do projeto em funcionamento desde 2017, sob a coordenação da Secretaria de Assistência Social e Desenvolvimento Humano, tendo como principal objetivo, fazer o mapeamento da população em situação de rua, a fim de projetar estratégias funcionais que atendam às necessidades desse público. “O serviço especializado de abordagem social visa o atendimento de crianças, adolescentes e adultos em situação de rua na prática da mendicância, trabalho infantil, entre outras formas de violação de direitos”, completou.

Segundo Ferreira, existe um canal de comunicação que age como facilitador desse serviço. Por meio do telefone celular (65) 9 9238-7552, as pessoas poderão fazer as denúncias e ou apontamentos onde as equipes poderão realizar a abordagem, com orientação correta de atendimentos à população em situação de rua. O canal funciona de domingo a domingo, até às 22h.

A proposta do projeto é garantir o acesso e inserção nas políticas públicas, estimulando e provocando a sua reflexão enquanto sujeitos de direitos, facilitando a sua participação no processo de superação dessa condição. “Essas pessoas são convidadas a conhecer uma de nossas unidades acolhedoras onde serão realizados todos os encaminhamentos necessários para que essas pessoas tenham melhores condições de sobrevivência”, comentou.

Para o trabalho, uma equipe multidisciplinar atua de forma itinerante em ruas do município realizando abordagem de aproximação, escuta e construção de vínculos com essa população.

A população também pode obter atendimento nas duas unidades dos Centros de Referência Especializado de Assistência Social Centro e Norte, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

“Nos Creas, a população é atendida com serviços de cidadania como o encaminhamento para emissão de documentos e acolhimento em um dos abrigos do município”, finalizou Hellen.

 

Assessoria da Prefeitura

Twitter: @estrelaguianews

About rosano

Check Also

Estadual de tênis começa nesta terça-feira em Cuiabá

O público tem acesso gratuito para assistir as partidas da Copa Borges Publicado por: Rosano ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *